Google+ Rádio Gospel Hits: Homem soterrado em terremoto sobreviveu ileso e disse que orou a Deus para ser resgatado...

Divulgação 728 X 90

Player

segunda-feira, 6 de junho de 2016

Homem soterrado em terremoto sobreviveu ileso e disse que orou a Deus para ser resgatado...

Um homem que passou dois dias sob os escombros de prédios derrubados durante o recente terremoto no Equador foi resgatado ileso. Ele revelou que pediu a Deus que o tirasse daquela situação.


Pablo Cordova, 51 anos, era gerente de um hotel na cidade de Portoviejo, e quando começou o terremoto, ele ficou preso sob os escombros de cinco edifícios históricos onde o estabelecimento que ele administrava estava instalado, e ficou inconsciente por aproximadamente 45 minutos.

De acordo com informações da CNN, a esposa de Cordova disse que já havia perdido as esperanças de ver o marido com vida, e começou a organizar seu funeral, inclusive preparando o caixão.

No entanto, para a surpresa de muitos, Cordova estava vivo e sem ferimentos sob os escombros, e foi encontrado pelas equipes de resgate.

Quando foi resgatado, Cordova foi levado a um hospital, onde foi submetido a exames e ficou em observação, devido à desidratação. Ele afirmou que o tempo todo orou a Deus para que Ele o permitisse viver, mas que Sua vontade era soberana.

Assista ao vídeo da entrevista:



No vídeo abaixo, é possível ver a intensidade do terremoto:
Louvor no tremor

O terremoto, registrado no último mês de abril, foi considerado o mais forte que atingiu o Equador desde 1979, alcançando 7,8 graus de magnitude na escala Richter, e deixando mais de 650 mortos. No momento do tremor, fiéis estavam reunidos, cultuando a Deus, e assim permaneceram.

O momento foi gravado pelos fiéis da Iglesia de Dios Pentecostal M. I., que cantavam animadamente durante o culto. As paredes do templo começaram a tremer, assim como as caixas de som e a lâmpada que iluminava o púlpito. No vídeo, é possível ver o quando o terremoto chacoalhou a estrutura. 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...