Google+ Rádio Gospel Hits

quarta-feira, 27 de junho de 2018

Presidente filipino provoca fúria ao chamar Deus de ‘filho da p…’

O presidente das Filipinas continua acumulando polêmicas. Desta vez, Rodrigo Duterte, de 73 anos, disparou contra os católicos, no país com maior número de fiéis da Ásia.

Segundo matéria do ‘Extra’, Duterte questionou, em um discurso televisionado na última sexta-feira (22), a história da criação do homem e perguntou por que Deus criou Adão e Eva apenas para permitir que eles sucumbissem à tentação que destruiu sua pureza.

"Quem é esse Deus estúpido? O filho da p... é então realmente estúpido”, disse Rodrigo Duterte, de 73 anos

“Quem é esse Deus estúpido? O filho da p… é então realmente estúpido”, disse o líder de 73 anos, conhecido por suas declarações públicas desconexas. “Como você pode racionalizar um Deus? Você acredita?”, disse ele.

O presidente lamentou que o pecado de Adão e Eva na teologia cristã resultou em todos os crentes caindo da graça divina.

“Você não esteve envolvido, mas agora você está manchado pelo pecado original… que tipo de religião é essa? Isso é o que eu não consigo aceitar, proposta muito estúpida”, disse ele.

A reação de autoridades católicas foi dura e imediata.

“A declaração de Duterte contra Deus e a Bíblia revela novamente que ele é uma aberração psicológica, um psicopata, uma mente anormal que não deveria ter sido eleita como presidente de nossa nação civilizada e cristã”, rebateu o bispo católico Arturo Bastes.

Em 2015, Duterte chocou os católicos ao xingar o Papa Francisco por ter provocado uma grande engarrafamento em Manila, capital do país, durante sua visita.

Minissérie ‘Lia’ estreia nesta terça-feira, contando origem das 12 tribos de Israel


A Record TV apresenta, a partir desta terça-feira, a minissérie Lia, que vai contar a história da primeira esposa de Jacó, que foi enganado por Labão e precisou trabalhar por 14 anos antes de receber o direito a se casar com Raquel.

Elenco da Minissérie

A estratégia da emissora fica evidenciada no título dado à minissérie: a proposta é contar a história sob a perspectiva feminina, mostrando o engano ao qual Jacó foi submetido por Labão e a luta de Lia para conquistar o amor do marido, enquanto ele trabalhava pensando no casamento com sua irmã.

Lia e Raquel disputavam o amor de Jacó e deram à luz os doze filhos que posteriormente dariam nome às 12 tribos de Israel. A minissérie contará a história em 15 capítulos e será substituída pela novela Jesus.

O roteiro, escrito por Paula Richard – autora da novela O Rico e Lázaro, adapta a narrativa do livro de Gênesis, e apesar de inserir ficção no registro bíblico, não deve se exceder no conteúdo adicional, pois assim como as demais produções da emissora, conta uma história com final conhecido.

O elenco escalado para a minissérie, produzida em parceria com a Casablanca, tem a atriz Bruna Pazinato como protagonista. “Vim para o Rio para fazer o teste para melhor amiga [da protagonista]. Mas, quando eu saí, de alguma forma eles me enxergaram como Lia. É um desafio que caiu no meu colo, fiquei muito feliz e apreensiva com essa protagonista, porque eu sou nova e é uma grande responsabilidade por terem confiado em mim. 

Mas me doei por completo, quero que as pessoas possam ver minha entrega na TV”, contou a atriz, de acordo com informações do Notícias da TV.

terça-feira, 26 de junho de 2018

9 Hábitos de Pessoas Bem Sucedidas.

UNIDOS CONTRA A CORRUPÇÃO! EU APOIO ESTA CAUSA!

Resultado de imagem para UNIDOS CONTRA A CORRUPÇÃO!

Criada pela LiveAD em parceria com a Dogs Can Fly e a Dahouse, a campanha”Unidos contra a corrupção” foi lançada por uma série de instituições apartidárias e convoca o povo brasileiro para se unir e acabar com a corrupção do País. 

As peças apresentam novas medidas para travar a luta contra esse problema.




EU APOIO ESTA CAUSA!

segunda-feira, 25 de junho de 2018

Marina Silva quer fazer plebiscito sobre legalização do aborto e da maconha se for presidente

Resultado de imagem para Marina Silva quer fazer plebiscito sobre legalização do aborto e da maconha se for presidente

A pré-candidata à presidência Marina Silva voltou a adotar uma postura “isenta” em relação à descriminalização do aborto e da maconha, defendendo um plesbiscito para que a sociedade decida sobre os temas, colocando-se de forma a tentar agradar gregos e troianos. Ao mesmo tempo, pesquisas recentes apontam que a sociedade reprova mudanças nas leis que tratam do assunto.

Em entrevista à revista Veja, Marina Silva (Rede) foi questionada sobre qual o peso de sua profissão de fé, evangélica, em sua postura a respeito do aborto e da maconha, e sua resposta praticamente ignorou o ponto referente à sua crença pessoal.

“O aborto envolve questões de natureza ética, de saúde pública e religiosa. Defendo para esse tema, assim como para a descriminalização da maconha, que se faça um plebiscito. Esse é o caminho de ampliar o debate. Não se resolve o problema das drogas e do aborto rotulando alguém de conservador ou fundamentalista. Nós não queremos que mulher alguma tenha uma gravidez indesejada. Qual é a melhor forma para chegar a isso? Debatendo”, afirmou a ex-senadora.

Resultado de imagem para Marina Silva quer fazer plebiscito sobre legalização do aborto e da maconha se for presidente

Quando questionada sobre o apoio de grande parte do eleitorado ao deputado federal Jair Bolsonaro (PSL), Marina relativizou a adesão, apontando a revolta com a corrupção como responsável por esse movimento: “A sociedade está indignada. Não consegue mais aceitar que o dinheiro que deveria estar indo para uma creche está sendo desviado pela corrupção. Um primeiro momento da indignação sai muitas vezes como um berro de protesto. Mas ninguém fica berrando o tempo todo”, opinou.

“Chega uma hora em que a consciência sussurra mais alto, e as pessoas começam a perceber que as saídas mágicas não têm base na realidade”, disse, prevendo uma queda nas intenções de voto a Bolsonaro nos próximos meses.

Assim como Bolsonaro, Marina Silva terá menos de dez segundos de tempo de TV na campanha eleitoral, por conta da baixa quantidade de parlamentares da Rede Sustentabilidade no Congresso e por conta das alianças com partidos de igual baixa representatividade nas urnas em 2014.

Bolsonaro

Resultado de imagem para Bolsonaro

O pré-candidato do PSL respondeu no Twitter às afirmações de Marina Silva a Veja, dizendo que “um chefe de Estado deve mostrar a todos a sua verdadeira face”, para que a população saiba em quem está votando.

“Marina, ao sugerir plebiscito, sem dizer sua posição para temas tão relevantes, se esquiva e lava suas mãos no politicamente correto”, acrescentou Bolsonaro, criticando a postura recorrente de Marina Silva em se isentar de posições mais claras sobre temas tão caros à população brasileira.

Golpista fingia ser evangélica para dopar idosos com anestésico e roubar seus pertences



Uma mulher conhecida como Donata de Souza da Silva, de 59 anos, está sendo procurada pela Polícia, após ter a sua prisão decretada pela justiça por furtar os bens pessoais e cartões de crédito de vários idosos, acredite, há mais de 20 anos.

O que mais chamou atenção das autoridades, além da crueldade em se voltar contra pessoas idosas, foi o método utilizado pela suspeita para conseguir enganar suas vítimas.

Segundo informações do delegado Reginaldo Salomão, da Delegacia Especializada de Repressão à Roubos e Furtos (Derf), o fingimento foi uma das suas armas:

“A prática deste tipo de roubo é uma constante na vida dela. É uma pessoa carismática, que conversa bem. Na igreja, ela finge ser evangélica e se aproxima das pessoas”, disse ele ao portal G1.

“Na rua, [ela] consegue convencer os idosos a entrar na casa, geralmente pedindo um copo de água ou falando que vai fazer um descanso momentâneo”, explica o delegado, destacando que ela já tinha sido presa, mas que por conta da idade e por ser mulher, foi liberada em seguida:

“Ela já chegou a ser presa, porém, por conta da política do não encarceramento de idosos, principalmente mulheres, logo ela foi solta. Desta vez, há um mandado judicial de prisão expedido contra ela”, completa.

A Polícia entendeu melhor a estratégia da “Irmã Renata” ou “Maria Ângela”, como é conhecida, quando ela foi detida dois anos atrás de posse de um medicamento, suspeita de dopar um casal de idosos em Aero Rancho, região sul de Campo Grande, MS.

Na época ela confessou o crime, dizendo que colocou gotas do anestésico no sorvete das vítimas. Quando o casal de idosos de 74 e 77 anos ficou sem capacidade de reação, a suspeita roubou seus pertences, como cartões de crédito, joias e outros bens de valor de pequeno porte.

“Ela é uma pessoa que conversa bem e se aproveita da boa vontade dos idosos”, disse outro Delegado na época da sua prisão em 2016. Atualmente ela encontra-se foragida e a Polícia pediu a colaboração da população para executar o mandado de prisão.

Quem tiver informações deve ligar para 190 ou 3368 6600 (Mato Grosso do Sul).

Copa do Mundo: conheça alguns dos jogadores cristãos que disputam o torneio


A Copa do Mundo é uma febre em todo o planeta. Ao longo de um mês, a cada quatro anos, atletas de 32 países ocupam o espaço no noticiário, com suas histórias de origem e desempenho. Dentre as centenas de jogadores convocados por suas seleções, alguns se destacam por suas declarações públicas de fé.

Confira uma lista com os jogadores que se tornaram conhecidos por suas manifestações de fé em Jesus Cristo e que estão jogando a Copa do Mundo na Rússia:

Alisson Becker (Brasil)



O goleiro é um dos vários jogadores da Seleção Brasileira que são abertos sobre sua fé cristã. Ele usou as redes sociais para louvar a Deus pela oportunidade de jogar sua primeira Copa do Mundo: “Muito feliz por receber a oportunidade de defender meu país em uma Copa! Realização de um sonho! Glória a Deus!”, escreveu.

O jogador da Roma, de 25 anos, recentemente aconselhou futuros goleiros sobre o importante papel que a fé desempenha no sucesso: “Se você quer ser um grande goleiro, precisa trabalhar muito. Isso é o que eu faço. Você precisa estar muito focado no futebol e acho que a fé também é importante” , disse ele. “Se você acredita em Deus, você sabe que você tem que fazer o seu melhor em campo e colocar amor em tudo que faz na vida”, acrescentou.

Edinson Cavani (Uruguai)


Em 2014, o companheiro de ataque de Cavani, Luiz Suárez, ganhou notoriedade internacional por morder um competidor em uma partida da Copa do Mundo. 

Esse nível de agressão não é o estilo de Cavani. Jogando sua terceira Copa do Mundo, o atacante do Paris Saint-Germain, de 31 anos, tem sido sincero sobre o papel que Jesus desempenha em sua vida, até usando uma dessas camisetas “Eu pertenço a Jesus” 

Anos atrás, perguntaram a Cavani se ele se considerava um atleta de Cristo. “Não, não, não. Eu sou um atleta para Cristo”, disse ele. “É por isso que eu jogo para Ele, para dar-lhe glória, para agradecer por me dar a habilidade de jogar futebol… por me dar aquele dom divino. Eu estou tentando me dedicar mais e mais”.

Radamel Falcao (Colômbia)



Quando seu país finalmente chegou à Copa do Mundo em 2014, após 16 anos, Radamel Falcao Garcia se lesionou. Desta vez, Falcao, maior artilheiro de todos os tempos da Colômbia, está saudável. Ontem, 24 de junho, marcou um dos gols da vitória de 3×0 sobre a Polônia.

Atual capitão do Monaco, Falcao é conhecido por levantar a camisa depois de marcar, revelando uma camiseta que diz: “Com Jesus nunca estará sozinho”. Ele também é conhecido por convidar seus companheiros de equipe para ler a Bíblia com ele e frequentar os cultos da igreja. No início deste ano, ele lembrou seus quase 17 milhões de seguidores no Twitter: “Jesus é a nossa esperança. Ele fez tudo. Se você confessar com a sua boca que Jesus é o Senhor e crer (…) você será salvo”.

Odion Ighalo (Nigéria)


Mesmo antes de se classificar para sua primeira Copa do Mundo, Odion Ighalo sabia que tinha muito a agradecer. Ighalo, 28, cresceu com pouco acesso a água potável, comida e eletricidade, em uma das partes mais pobres de Lagos, maior cidade da Nigéria.

Agora jogando por Changchun Yatai na China, ele regularmente envia uma parte de seu salário de volta para sua família, sonha em abrir um orfanato, e frequentemente agradece a Deus por sua vida e carreira de futebol em suas redes sociais. “Nem sempre tínhamos o que queríamos ou precisávamos, tínhamos que lutar” , disse ele ao The Guardian. “Foi difícil viver, difícil de comer e é por isso que agradeço a Deus quando olho onde estou agora”, acrescentou.

Keylor Navas (Costa Rica)



Em 2014, a Costa Rica surpreendeu o mundo ao chegar às quartas de final. Uma das principais razões para o sucesso da equipe foi Keylor Navas, o goleiro que agora tem 31 anos. Para Navas, que é titular do Real Madrid, sua fé é um dos fundamentos de sua vida. “Minha fé é a coisa mais importante. 

Eu acredito que, no momento em que eu tive um relacionamento muito pessoal com Deus e eu realmente sabia o que a Palavra d’Ele dizia, não era sobre religião. Foi sobre saber que o que a Bíblia nos diz é o que Ele nos deixou” , disse ele em entrevista ao jornal espanhol El Mundo.

“Isso mudou minha vida. Encheu o vazio no meu coração. É por isso que sou muito grato”, frisou o goleiro, de acordo com a revista Christianity Today.

Luis Tejada (Panamá)


O atacante é conhecido carinhosamente como o Matador. Ele é o maior goleador da história da seleção panamenha, com 43 gols. Agora que se classificou para a Copa do Mundo, a aposentadoria está finalmente chegando, pois disputar o torneio era tudo que ele queria.

Tejada, que atualmente joga no Sport Boys, da primeira divisão do Peru, cresceu em um dos bairros mais difíceis da Cidade do Panamá e acredita que Deus e o futebol salvaram sua vida. “Eu não sei o que seria de mim se eu não tivesse me tornado um jogador de futebol” , disse ele ao The Guardian . “Eu não sei se estaria morto, se eu estaria em uma gangue ou se acabaria fazendo algo de bom. Por essa razão, agradeço a Deus por ele ter me resgatado a tempo e assumido o controle de mim”.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...