Google+ Rádio Gospel Hits: Igreja pode fechar e dar lugar a centro LGBT

Divulgação 728 X 90

Player

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Igreja pode fechar e dar lugar a centro LGBT


O polêmico pastor James David Manning ficou conhecido por suas declarações incisivas contra o estilo de vida dos LGBTS. Contudo, sua igreja no Harlem, em Nova York entrou em processo de falência fiscal e vai a leilão nos próximos dias.

Ele está afundado em dívidas que totalizam 1,2 milhão de dólares. O grupo ativista gay Ali Forney Center, que afirma ser ONG, resolveu fazer uma campanha on-line para arrecadar dinheiro o suficiente para comprar o prédio no leilão e transformá-lo em um “cento comunitário LGBT”.

Segundo sua página na internet, eles já arrecadaram 200 mil dólares e pretendem fazer uma oferta no leilão. Anunciam que reformarão o prédio para alojar “jovens LGBT sem teto” e abrirão uma loja voltada para o público gay. Embora seja um leilão público, os únicos a anunciar publicamente interesse em ficar com o local foram dois grupos gays.

O pastor Manning, que dirige a igreja Atlah Worldwide, afirma que não está preocupado com a possibilidade de perder o templo, pois tem imunidade tributária que o governo não está respeitando por motivos “obscuros”. Ele afirma que é um movimento político e classificou a decisão judicial de “simples apropriação de terra”.

A disposição do grupo gay em adquirir o prédio é muito grande. Eles travam uma “guerra midiática” no Harlem desde que o pastor começou a usar o letreiro em frente ao templo para mostrar mensagens como “Jesus teria jogado pedras em homossexuais” ou “Harlem é uma zona livre de sodomitas”.

Resultado de imagem para pastor James David ManningNo passado, afirmou que os membros da Ku Klux Klan são mais tolerantes do que os “homossexuais brancos”. Ele já respondeu a processos por pedir pena de morte aos gays.

Os problemas da igreja começaram em setembro de 2009. São nove privilégios fiscais federais em disputa, além de cobranças atrasadas de água, luz e impostos e denúncias de vários outros credores. Eles tinham até abril de 2015 para pagar as dívidas. Como não conseguiram, um juiz estadual decretou que a venda do imóvel servirá para o pagamento das dívidas.

Manning está avisando que ficará “sitiado” dentro do templo com os membros e afirma que não irão sair. Desafiou as autoridades a invadirem o local para tirá-los a força e deseja que isso seja mostrado pela televisão.

Em um vídeo publicado na internet, justificou: “Nós não queríamos chegar a esse extremo… mas se tiver de ser assim… então vamos fazer uma barricada e permanecer neste prédio”.

Avisou ainda que os cultos não serão desmarcados, nem o trabalho de distribuição de comida aos sem teto. Além disso, a pequena escola de ensino fundamental que funciona anexa ao templo continuará recebendo os alunos.

Seu apelo também foi para que outras igrejas da região os ajudem financeiramente com os processos, mas até o momento nenhuma se pronunciou oficialmente. Com informações de Raw Story

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...