Google+ Rádio Gospel Hits: Homem é preso suspeito de abusar sexualmente de duas crianças em RO

domingo, 29 de abril de 2012

Homem é preso suspeito de abusar sexualmente de duas crianças em RO

Um homem de 47 anos que se apresenta como pastor evangélico foi preso nesta quarta-feira (25), em Porto Velho (RO) suspeito de estuprar uma criança de 5 anos e tentar estuprar outra de 11, segundo a Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) da cidade. Cinco membros da igrega à qual pertence o suspeito foram indiciados por escondê-lo, de acordo com a polícia.

Segundo a delegada responsável pelo caso, Noelle Caroline Leite, o suspeito, natural de Manaus, se apresenta como pastor evangélico há 10 anos. “Ele foi convidado para fazer pregações em Porto Velho e ficou hospedado na casa de uma fiel da igreja”, diz Noelle. Ele ficou na residência entre 12 e 22 de abril e durante o período abusou de dois filhos de moradoras na casa, segundo a polícia. A delegacia foi acionada no dia 22, quando o homem teria estuprado a criança de 5 anos, seguindo uma denúncia não identificada. Ele estava com voo marcado para Manaus na noite do mesmo dia, diz Noelle.

Ainda conforme a delegada, após o estupro, o suspeito se abrigou na casa de cinco membros da igreja, que foram indiciados pelo crime de favorecimento pessoal nesta terça-feira (24).

Crimes

Segundo a polícia, na tentativa de abuso, que ocorreu antes do dia 22, o homem massageou e passou óleo no corpo da criança de 11 anos, que fugiu e se escondeu no banheiro.

O homem também usou óleo na criança de 5 anos, a estuprou e depois deu dois banhos nela, numa tentativa de esconder vestígios da ação, segundo depoimentos ouvidos pela Depca. “A médica afirmou que a criança de 5 anos apresentava fissuras e hiperemia na região anal”, diz a delegada. Ele nega ter praticado o estupro, mas afirma ter dormido na mesma cama da criança, diz.

A delegada diz que, conforme o artigo 217 do Código Penal brasileiro, a tentativa de abuso, praticada na criança de 11 anos, também é enquadrada como crime de estupro porque a vítima tem menos de 14 anos.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...